Heinz Karl Novaes Schwebel

Português, Brasil
Descrição: 

Dr. Heinz Karl Schwebel, Professor Associado da Escola de Música da UFBA e Primeiro Trompete da OSBA, iniciou seus estudos de trompete aos nove anos de idade com seu pai, o Prof. Horst Schwebel, com quem continuou a estudar até se formar no curso de Instrumento da UFBA no ano de 1993. Em 1990 teve uma breve passagem pela Universität für Musik em Karlsruhe, Alemanha, onde teve aulas com os Profs. Adolf Weresch e Reinhold Friedrich. Em 1994, como bolsista da CAPES e da Fundação VITAE, seguiu para os Estados Unidos onde realizou o curso de Mestrado no New England Conservatory of Music em Boston, sob a orientação do Prof. Charles Schlueter, primeiro Trompete da Orquestra Sinfônica de Boston. Em 1996 concluiu o Mestrado sendo laureado com Honras Acadêmicas e Distinção em Performance, premiação máxima daquela instituição. Durante seus estudos em Boston, foi vencedor do ?Concerto Competition? e do ?Honors Brass Competition?. Em 1997 e 1998, foi o único Brasileiro a integrar os quadros da Jerusalem International Symphony Orchestra em Israel, onde atuou como primeiro trompete sob a regência de Zubin Metha. Em 1997 recebeu a ?Menção Honrosa? do concurso Rádio MEC no Rio de Janeiro. Mais uma vez como bolsista da CAPES, voltou aos Estados Unidos em 1998 para realizar o Doutorado, outra vez sob a orientação do Prof. Charles Schlueter, tendo obtido o título de Doctor of Musical Arts em Maio de 2000. Como músico Sinfônico, já atuou como primeiro trompete sob a regência dos Maestros Zubin Metha, Gunther Schuller, Aldo Cecatto, Marek Janovsky, Stanislav Scrowaczevsky, Eleazar de Carvalho, Ira Levin, Isaac Karabtchevsky, Alex Klein entre muitos outros. Como Solista com orquestra já interpretou os concertos de Haydn, Hummel, Neruda, Vivaldi, Handel, Tartinni, Arutunian, Marcello e Alfredo Dias. Em 2001, fez a estréia Sul Americana do Concerto de Eric Ewazen p/ trompete e cordas e em 2006, ano do centenário do compositor, fez a estréia mundial do Concerto p/ Trompete de José Guerra Vicente. Em Outubro de 2006 foi convidado pela Charles Schlueter Foundation para ir a Boston, EUA fazer a estréia mundial da obra ?Simphonic Memories? de Eric Ewazen com o próprio compositor ao piano. Como Professor da Escola de Música da UFBA, Heinz leciona nos cursos de Graduação e de Pós-Graduação desta instituição, e vê uma crescente demanda nos convites para ministrar Master Classes, já tendo atuado como solista e/ou professor convidado no Pará, Maranhão, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Goiás, Minas Gerais, Paraná (no Festival de Londrina), Rio Grande do Sul (Festivais do Vale Veneto e UNISINOS) e em Brasília durante os 25o , 26º, 27º, 28º, 29º e 30º-, 31o- e 32o- Cursos Internacionais de Verão. Como vencedor do Prêmio Braskem de Cultura e Arte, versão 2003, ele lançou seu 1o- CD Solo ? Policromo ?Música Moderna para Trompete, tornando-se o 1o- trompetista brasileiro a gravar um significativo número de clássicos internacionais do repertório do século XX para trompete e piano, além de fazer conhecidas, obras brasileiras inéditas para esta formação. Trompetista do grupo de Intérpretes Musicais da Bahia - GIMBa, foi vencedor do Prêmio Funarte de Música Clássica em 2010 e do Prêmio Feira Música Brasil/Funarte/Petrobras 2010. No final de 2008 foi eleito Diretor da Escola de Música da UFBA para o período de Abril de 2009 a Abril de 2012.

Linha de Pesquisa: 
Processos e práticas em execução musical